sexta-feira, fevereiro 14, 2014

Morro do Bonfim

Capela  Nosso Senhor  do Bonfim

Historicamente, foi no ano de 1853, que os barbônios que nesta região estiveram pregando missões alertaram e recomendaram à população itaunense sobre a necessidade de ser construído na cidade de Itaúna a Capela de São Miguel, no interior de um cemitério localizado na região, e também da Capela de Nosso Senhor do Bonfim, no monte ao norte do arraial que naquela época era chamado Morro de Santa Cruz. A capela de São Miguel foi edificada através de doações da comunidade e a de Nosso Senhor do Bonfim foi construída pelo Tenente José Ribeiro Azambuja no mesmo ano de 1853, no morro atualmente conhecido como Morro do Bonfim (antigo Santa Cruz).
Localizada a aproximadamente 25 km do centro da cidade de Itaúna, a Capela do Senhor do Bonfim sempre foi um local de peregrinação religiosa da população do antigo arraial de Itaúna.
A Capela de Nosso Senhor do Bonfim está situada no ponto mais alto da região de Itaúna, ou seja, a 1000m de altitude. Construída em meados do século XIX, em pleno período imperial brasileiro, possui estilo colonial. 
O Alto do Bonfim com sua Capela de Nosso Senhor do Bonfim, ilumina do ponto mais alto de uma cidade em pleno desenvolvimento., porém, preocupada em não perder seus marcos históricos, afim de continuar uma cidade com identidade cultural e memória afetiva.
Atualmente, Itaúna, através do Morro do Bonfim integra as 14 (quatorzes) cidades do Circuito dos Bandeirante – Circuito Verde, sendo alvo de iniciativas futuras para viabilização de investimentos em atividades turísticas/religiosas.
Local de tradição das peregrinações religiosas em devoção ao Nosso Senhor do Bonfim, a Capela de mesmo nome, representa para toda a comunidade itaunense um exemplar valioso da arquitetura colonial, tendo a  simplicidade de seus traços ainda originais, guardando a identidade religiosa própria de um povo já enraizada na alma popular.
Sua conservação é, portanto, inerente ao anseio da modernidade, pois sobressai a referência cultural da edificação.
A Capela de Nosso Senhor do Bonfim por estar localizada no ponto mais alto da região de Itaúna tem sido estudado a viabilidade de torná-la um ponto turístico religioso, pois o morro do Bonfim oferece todas as condições para tal empreendimento. A 25 km de distância do centro da cidade além da arquitetura colonial da Capela, toda a região é propicia para a exploração turística religiosa e ecológica. O morro do Bonfim oferece uma visão privilegiada podendo a cidade ser vista parcialmente numa ângulo fascinante.
A 25 km de distância do centro da cidade além da arquitetura colonial da Capela, toda a região é propicia para a exploração turística religiosa e ecológica.
O morro do Bonfim oferece uma visão privilegiada podendo a cidade ser vista parcialmente numa ângulo fascinante.


Museu Municipal Francisco Manoel Franco
Janete Rodrigues da Silva – Coordenadora
Praça João Pessoa (Praça da Estação), s/nº Centro
Itaúna/Mg  Cep. 35680-059

0 comentários:

Postar um comentário