segunda-feira, agosto 20, 2012

Rua Direita



(Clicar na imagem)



Rua direita

(Hoje Av. Getúlio Vargas)

Quando o Pe. Antônio Maximiliano de Campos veio para Itaúna,  mandou construir este casarão. Na primeira década do século passado (XX), meu avô materno José Esteves Gaio, que tinha uma fazenda na Várzea da Olaria, decidiu mudar-se para a cidade. Segundo contava minha avó Avantjour Nogueira, ele comprou o casarão do Pe. Antônio e para lá se mudaram. Todos os 9 filhos já haviam nascido, porém foram todos criados nesta casa. José Esteves Gaio faleceu em 19 de abril de 1941 e a família decidiu que não haveria partilha do imóvel, ficando a minha avó morando lá até sua morte em 24 de agosto de 1970.
 Residência  da Sra. Avantjour Nogueira, numa pintura do artista NARON TABAJARA SILVA, feita em 07 de Setembro de 1967. Visão a partir da Rua Getúlio Vargas, sentido SENAI.
 Morta minha avó Avantjour Nogueira, fez-se o inventário e a casa com o terreno, depois de divididos, resultaram em 40 lotes de terreno, onde hoje é uma verdadeira vila, à direita de quem sobe a atual Rua da Harmonia. 
O casarão foi demolido porque estava totalmente fora do alinhamento da Rua Getúlio Vargas, à esquerda do semáforo que se encontra à esquerda da Praça Joaquim Herculano, sentido SENAI.

Juarez  Nogueira Franco


0 comentários:

Postar um comentário